sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

A metralhadora Gardner com guarnição naval da HaT - 1ª parte


Image Hosted by ImageShack
A metralhadora Gardner com guarnição naval da HaT numa canhoneira

A Gardner foi uma das primeiras armas automáticas, com múltiplos canos e alimentada por um carregador que usava a gravidade para municiar esta metralhadora que foi usada por diversos países e se celebrizou em conflitos coloniais e na defesa de navios contra os pequenos e rápidos barcos torpedeiros.

Os calibres disponíveis, bem como o número de canos e a própria montagem, que podia ser num suporte ou plinto naval ou sobre um reparo com rodas destinado a ser rebocado por cavalos ou mulas, variavam conforme o destino da arma e o seu local de fabrico, pelo que a variedade de modelos disponíveis era enorme.

No entanto, a Gardner não era uma metralhadora na plena acepção da palavra, dado que era através da acção humana, recorrendo a uma manivela, e não usando o recuo da arma que esta efectuava um ciclo completo de disparo e carregamento da munição a ser usada seguidamente em cada cano.


Image Hosted by ImageShack
Um aspecto geral da canhoneira com a metralhadora Gardner e a guarnição naval da HaT

Apesar da sua reconhecida fiabilidade, a carreira da Gardner não foi longa, pois genuinas metralhadoras, que usavam a expansão de gases para automatizar os disparos, desenvolvida por Sir Hiram Maxim, puseram fim aos pesados modelos de acionamento manual, que já não chegaram a estar presentes na altura do início da 1ª Guerra Mundial.

A HaT apresentou recentemente um modelo desta metralhadora primitiva, incialmente usando a designação Nordenfeldt, que corresponde a um modelo semelhante, reproduzindo uma versão de cinco canos que inclui dois tipos de suporte, um naval, que pode ser usado para outras armas, e outro terrestre, para além de uma guarnição de seis figuras que reproduzem elementos da Royal Navy mas poderão ser convertidos para outras nacionalidades recorrendo às cabeças opcionais.

Para além da Gardner, a HaT apresentou igualmente uma Gatling, também em conjuntos de quatro com as respectivas guarnições, podendo ser usadas em conjunto e com as figuras trocadas de uma arma para outra, dado que a marinha e o exército ingleses usaram ambos os modelos agora disponibilizados.
Enviar um comentário