domingo, 12 de julho de 2009

Colocação de arame farpado por soldados ingleses


Image Hosted by ImageShack
Imagem publicada na Ilustração Portugueza

O início da Grande Guerra, normalmente associada a uma eterna luta de trincheiras que se mantinham estáticas longos períodos, ainda se verificaram extensas manobras protagonizadas, sobretudo pelo Exército Alemão, cujos avanços os Aliados tentavam recorrendo a linhas defensivas cada vez mais elaboradas.

Um dos primeiros obstáculos a serem colocados no terreno e, sem dúvida dos mais eficazes e rápidos de instalar, foi o arame farpado que, conjuntamente com as extensas linhas de trincheiras, também simboliza este conflito.

Esta imagem, publicada em 1915, ilustra a colocação de arame farpado pelas tropas inglesas no início da Guerra, recorrendo ao típico rolo e envergando ainda o equipamento usado nos primeiros meses do conflito, ainda sem capacete.

Só no segundo ano de guerra, e sobretudo em 1916, se começaram a verificar mudanças substanciais no equipamento dos militares ingleses, tornando-o mais simples e eficaz de modo a adequar-se às novas tácticas e armamento e ao aumento de efectivos que resultou da transição do exército profissional que a Inglaterra enviou para França no início do conflito por um novo exército de recrutas.

Com a quase destruição dos "old comptentibles", a excelente força profissional que aguentou parte dos primeiros choques e a chegada de numerosos recrutas, muitos com treino insuficiente, as tácticas mudaram, tornaram-se mais estáticas e o sacrifício humano aumentou, resultando em anos de carnificina sem que houvesse mudanças significativas nas linhas de frente.
Enviar um comentário