quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Adição de elementos - rebordos


Image Hosted by ImageShack
Aspecto da montagem do rebordo em plástico num cenário

Os cenários em pladur, sobretudo aqueles que são finalizados com algum tipo de textura, seja a que imita pedra, seja uma que reproduza terra ou vegetação, tendem a apresentar diversas fragilidades e um manifesto desgaste quando se necessita demanipulá-la.

Uma alternativa pouco dispendiosa consiste em adquirir numa loja de materiais de construção ripas de madeira com uma espessura que ronde os 5 mm e uma altura de entre 10 a 20, que será cortada à medida de modo a circundar todo o cenário.

Dado que a ripa de de que dispomos é de secção rectangular, é possívelr cortar as secções num angulo de 45º, de modo a que ambos os segmentos possam ser utilizados, bastando inverter uma delas de modo a as duas formarem um angulo recto.


Image Hosted by ImageShack
Um rebordo em madeira num cenário

Outra opção, com aspecto menos luxuoso mas bastante mais fácil e prático, é o de em vez da madeira usar tiras cortadas com um bisturí de uma folha de plástico, sendo que o processo de ajuste e testes no local será idêntico ao da madeira.

Optamos por colar os rebordos, após o que demos uma camada de verniz de modo a que a finalização melhore, podendo-se colocar na superfície inferior um papel autocolante aveludado, que irá proteger o móvel no qual esta peça assentará.

Este tipo de finalização, de baixo custo e rápida de efectuar, permite realizar bases com aspecto aceitável que complementarão de forma aceitável um modelo, conferindo-lhe uma envolvência e uma atmosfera única.
Enviar um comentário