quarta-feira, 27 de maio de 2015

O Panzer IV da Airfix - 5ª parte

Este modelo continua a ter uma qualidade aceitável, linhas correctas, uma manifesta facilidade de construção e um preço competitivo, que andará pelos 8 a 10 Euros, com excepção dos modelos antigos, com a caixa das primeiras versões, e que é mais valorizado pelos colecionadores, podendo, neste caso, atingir um valor francamente mais elevado.

Talvez mesmo o maior problema deste modelo seja o facto de, sendo produzido na escala 1/76, na qual quase só a Airfix, de entre os fabricantes mais disseminados parece insistir, destoar visualmente quando perto de modelos na mais popular escala 1/72, que acabam por dominar o mercado, tornando difícil a sua integração em cenários ou mesmo nalguns jogos de guerra.

Não sendo o melhor modelo do célebre Panzer IV, nem na escala 1/76, e menos ainda na 1/72, o "kit" da Airfix representa o que de melhor se produzia há meio século, e a sua extraordinária longevidade demonstra que, apesar da concorrência, continua a ter sucesso entre numerosos modelistas, mesmo que, admitamos, muitos o escolham por nostalgia.

Por essa razão, recordando a longa história deste modelo, decidimos ilustrar os textos não apenas com fotos do modelo, mas também com algumas da diversas caixas onde o "kit" foi embalado, na sua maioria recorrendo à pintura original, modificada ao longo dos tempos, intervalada com aquela que apresenta o modelo finalizado e que, por ser a menos apelativa, foi rapidamente substituida, voltando-se à ideia original.

Optar por adquirir este modelo é, pois, uma questão pessoal, dado que nem é o melhor, nem o que melhor se integra, mas será, sem dúvida, um dos que possuem um maior historial, provavelmente presente em maquetes e jogos de guerra durante muito mais anos do que outros "kits" do mesmo tanque e recordando um tempo em que a variedade de modelos era tão escassa que o próprio fabricante ensinava a transformar os poucos modelos disponíveis ou a construir de raiz modelos inexistentes.

Naturalmente, para quem coleciona "kits" desde os anos 70 ou 80, é quase inevitável que este modelo faça parte da colecção, em muitos casos com múltiplos exemplares, sobretudo no caso dos adeptos dos jogos de guerra, pelo que a sua aquisição, como substituido de um modelo antigo detriorado ou perdido, será quase inevitável, mas para modelistas mais jovens, será sobretudo a curiosidade a motivar a compra de um modelo que perde para os seus concorrentes mais recentes.
Enviar um comentário