segunda-feira, 24 de agosto de 2015

As bases provenientes de caixas de CD - 4ª parte

Com a base pronta, embora não finalizada, passa-se aos elementos que se pretende adicionar, seguindo o plano que deverá ter sido traçado logo de início, recolhendo os materiais a incluir, e imaginando qual a disposição dos vários elementos, verificando se a sua integração resulta de forma natural e consistente.

Associado ao reaproveitamento de caixas de CD, está a utilização de sobras das mais diversas proveniências, sobretudo de "kits", mas também de outros cenários e materiais sobrantes de pequenas reparações, complementados pelo mínimo de investimento, que normalmente será cola, algumas tintas de água e diversos tipos de pó e pequenas pedras que podem ou não necessitar de ser adquiridas.

A menos que haja uma ideia ou objectivo específico em mente, a disponibilidade do material existente foi um condicionante algo restritivo na fase de planeamento, sendo que neste caso vamos utilizar alguns blocos de plástico expandido, bastante fácil de trabalhar e adequado para fazer relevos, folha de plástico com 1 milímetro de espessura e algumas peças dispersas, para além de uns restos de rede que encontramos.

A base irá recriar um dos locais ou zonas de dispersão utilizadas durante a 2ª Guerra Mundial para colocar aviões fora dos hangares, a alguma distância uns dos outros, de modo a que, em caso de ataque, uma simples bomba certeira não destruísse diversos aparelhos.

Quase todos os países beligerantes utilizaram este tipo de construção muito básica, que corresponde a uma protecção em "U" com angulos rectos, nalguns casos, e que podiam ser reforçadas com madeira ou pedras, sendo comum haver redes de camuflagem ou toldos no topo, ocultando os aviões e conferindo alguma protecção contra elementos ambientais, o que permite às tripulações de terra trabalhar com maior conforto.

Assim, começamos por construir uma base quadrupla, de 24 x 19 centímetros, com as superfícies unidas centralmente através de pequenas ripas de plástico, que imitarão a madeira utilizada muitas vezes neste tipo de abrigo, as quais foram cortadas, em quantidade razoável, a partir de uma folha plástica, já que serão utilizadas para diversos fins nesta maquete.
Enviar um comentário