segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

O Messerschmitt Bf 109 F2 Trop da "Takara" - 1ª parte

Mencionamos os modelos da "Takara", um fabricante japonês que disponibiliza uma extensa e variada gama de miniaturas, por entre estes se encontrarem aviões na escala 1/144, compatíveis com as regras da "Flames of War", e que constituem uma alternativa a ter em conta dada a variedade, qualidade e preço, do que resulta uma combinação interessante.

Quando comparados com os aviões da "FoW", moldados em resina, quase numa única peça, os da "Takara" são moldados em plástico e pré-pintados, bastando um processo de montagem muito simples para se obter um resultado final de bom nível, podendo ter como opção, quando aplicável, a posição do trem de aterragem, no solo ou em voo.

Os modelos da "Takara" necessitam de um trabalho de montagem que inclui, normalmente, as duas metades da fuselagem, o hélice, as asas, os estabilizadores e a peça transparente do "cockpit", tendo como adicionais o trem de aterragem e carga externa, como tanques de combustível ou bombas.

Todo o processo de montagem é extremamente rápido e intuitivo, obrigando a atenção relativamente a alinhamentos e ajustes, resultando num modelo pintado, pronto para receber os decalques adicionais, fornecidos no conjunto, e, caso se pretenda, alguns melhoramentos, personalizando um pouco cada miniatura, conferindo uma carácter individual.

Os dois Messerschmitt Bf 109 F2 Trop, a versão deste caça destinado a operar no Norte de África e noutras zonas tropicais, vêm previamente pintados num dos esquemas utilizados, com a parte superior e lateral em amarelo areia e a inferior em azul, com o hélice e respectivo cone em negro.

Pequenos detalhes, como algumas insígnias, o trem de aterragem, luzes de sinalização ou a estrutura da transparência já vêm igualmente pintados, o que facilita muito a vida dos modelistas, mas outros, como as bandas brancas, sempre presentes neste teatro, estão ausentes e, a bem do rigor, devem ser pintadas.
Enviar um comentário