segunda-feira, 11 de abril de 2016

O Focke Wulf 190D-9 da Italeri - 3ª parte

Sendo um avião utilizado nos últimos meses do conflito, a pintura era muito semelhante à do FW 190A, sobretudo em tons de cinzento claro nas zonas inferiores e laterais, e com o habitual padrão em cinzento escuro e verde nas superfícies superiores, com manchas nas laterais e zonas de transição.

Nesta altura pode-se finalizar a montagem, procedendo à colagem das restantes peças e aos retoques na pintura base, corrigindo pequenos erros e as falhas resultantes da remoção das peças das grelhas de suporte, e adicionando a antena, o que só pode ser feito após posicionar e colar todas as transparências do "cockpit", sugerindo-se que fique na posição aberta, do que resulta, no modelo, uma antena um pouco mais curta.

Estas peças mais pequenas são fáceis de colocar, mas deve-se ter uma especial atenção aos angulos e alinhamentos, essenciais para o realismo do modelo e para que este fique correctamente posicionado quando assente no trem de aterragem, cujas pernas são longas e ficam com inclinação relativamente às asas e ao solo.

Tal como habitualmente, existiam diferenças a nível de unidades, com as respectivas insígnias e bandas de teatro de operações, tal como nos aviões individuais, onde se incluem matrículas ou números de chamada, o registo de fábrica do avião, bem como todas as adições que alguns pilotos optavam por colocar, que podia ser uma insígnia pessoal, um nome ou detalhes de pintura.

Muitas dessas particularidades tornaram-se célebres, sendo o mais conhecido o rato "Mickey" no avião de Adolf Galland, mas muitos ases personalizavam os aviões, de modo a serem facilmente identificados, enquanto outros, como Erich Hartmann optavam pelo contrário, usando um simples número de identificação, sem qualquer insígnia que permitissem a sua identificação.

No caso dos modelos de "Dora 9" da Italeri, estão disponíveis dois "kits", idênticos com excepção da folha de decalques, mais interessante no modelo mais recente, dado apresentar uma maior variedade de decorações, sendo ambas de boa qualidade e historicamente correctas, omitindo, naturalmente, a suástica da cauda, por razões legais.
Enviar um comentário